«

»

dez 31 2015

Cidades brasileiras em imagens: Cuiabá/MT

Considerada como Centro Geodésico da América do Sul e porta de entrada da Amazônia e do Pantanal, Cuiabá está localizada nas coordenadas geográficas: 15º35’56” de Latitude Sul e 56º06’01” de Longitude Oeste, numa altitude média de 165m (Mato Grosso-SEPLAN, 1990).

Estabelecida à margem esquerda do rio que lhe deu o nome, a capital está situada na porção Centro-Sul do Estado de Mato Grosso, ocupando uma área de 3.224.68km2. Possui clima tropical semi-úmido, apresentando duas estações bem definidas: uma seca (outono-inverno) e outra chuvosa (primavera-verão), predominando altas temperaturas, com médias de 24 a 34ºC.

Segundo a Professora Doutora Sônia Romancini (2001), “Cuiabá destaca-se pela concentração das funções administrativas, como centro comercial atacadista e varejista, e pela prestação de serviços especializados, cuja área de polarização se estende por todo o Estado de Mato Grosso, Sul do Pará e parte do Estado de Rondônia“.

A cidade possui aspectos culturais bem característicos, como o “Cururu e o Siriri” – danças típicas locais; o “rasqueado cuiabano” – rítimo dançante bem alegre; uma culinária de influência portuguesa; um artesanato que apresenta traços de tradições indígenas e espanholas. Essa influência  viva pode ser conferida nos trabalhos de tecelagem, nas redes de pano, nos arreios de couro e nas charqueadas. No artesanato cerâmico, destaca-se o legado dos povos da terra, apresentando características marcantes dos Kadiweus; os adornos e os utensílios de palha, dos Xavantes e bororos, etc.

Dentre as atrações turísticas da cidade, destaca-se: o Aquário Municipal, localizado na margem do rio Cuiabá; O Arsenal de Guerra (Sesc Arsenal), construído no início do século XIX, para reforçar a defesa do território português; ACasa Cuiabana, construida em adobe e taipa, sobre alicerces de pedra; a Casa do Artesão, que apresenta os produtos artesanais de toda a região, além de uma exposição permanente com trabalhos indígenas; a Catedral Metropolitana, maior templo católico construído há mais de 30 anos; o Horto Florestal, boa opção para quem gosta de desfrutar da beleza oferecida pela natureza; Igrejas como: Nossa Senhora do Bom DespachoNossa Senhora do Rosário e Capela de São BeneditoIgreja de São GonçaloIgreja da Boa MorteIgreja Nossa Senhora AuxiliadoraIgreja Nosso Senhor dos Passos, entre outras; Instituto Nacional de Pesquisa Espacial (INPE), localizado no Morro da Conceição, e que funciona como uma estação de rastreamento  de satélites. Visitas sob agendamento;Mercado do PortoMorro da LuzMuseu de Arte e Cultura  PopularMuseu de Arte SacraMuseu de História e AntropologiaMuseu de Pedra “Ramis Bucair”Museu do Rio “Hid Alfredo Acaff” – Espaço Cultural Liu Arruda;Museu da História NaturalMuseu RondonPalácio da InstruçãoPalácio Alencastro (atual sede da Prefeitura Municipal); Parque Mãe BonifáciaParque Massairo OkamuraSalgadeiraSão Gonçalo Beira RioTemplo Maometano;Tesouro do EstadoZoológico da Universidade Federal de Mato Grosso; Museu da Caixa d’água velha, etc. 

A proposta desta página, é apresentar imagens, que representam a paisagem cultural desta cidade, que em 2010 segundo o IBGE apresentava uma população de 551.098 habitantes. (veja mais sobre este local fotografado, nos links localizados abaixo da galeria de imagens)

Obs. As fotos deste post, foram gentilmente cedidas por João Paulo Meira Marinho (Geógrafo e Mestre em Geografia, pela UFMT), portanto são de propriedade intelectual do mesmo e do site Visão Geográfica. Pedimos a gentileza de não utilizar nenhuma imagem desta página sem citar os nomes do autor e do site.

Referências bibliográficas:

ROMANCINI, Sônia Regina. Uma Abordagem sobre as Novas Formas de Habitat Urbano em Cuiaba-MT. In: Revista Geográfica, 1 de Janeiro de 2001.

IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística.   Disponível em: http://www.ibge.gov.br/cidadesat/default.php  – <acesso em 26/01/2014>.

CONHEÇA MAIS SOBRE CUIABÁ

Publicações relacionadas

Rating: 5.0. From 3 votes.
Please wait...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *